Mostrar mensagens com a etiqueta euro. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta euro. Mostrar todas as mensagens

5 de novembro de 2011

Descartáveis.....

[cartoon]

Agora percebo o motivo pelo qual, as moedas de euro têm aquele anel exterior.


17 de agosto de 2011

Euro a quanto obrigas!


O preço a pagar pela manutenção da estabilidade da União, obriga a que alguns daqueles países que mais contribuem para esforço colectivo de equilíbrio das finanças públicas, e por isso serem os que mais têm a perder com o fim do Euro, queiram chamar a si, através de um novo governo económico, competências até aqui da exclusiva responsabilidade dos governos dos Estados membros. Ou isso, ou caminho para a desintegração. E nós, bem caladinhos, e porque precisamos de alguém que nos ajude a estancar o desperdício em que mergulhamos e do qual não damos mostras de conseguirmos sair, aceitamos de cara alegre a decisão, não vão os nossos patrocinadores ficarem zangados e fecharem de vez a torneira.

15 de agosto de 2011

Só se fosse pelo preço do café

De facto, a única coisa que me faria desejar sair do euro, era o preço que eu, a partir dali, iria pagar por um café. A  não ser que os nossos comerciantes, pressionados pela crise, se recusassem a baixar o café para 50 ou 60 escudos, em vez dos actuais 120, como aliás devia ter sempre sido, não fosse a vontade de ganhar o mais possível, no mais curto espaço de tempo.

22 de março de 2011

Faits divers


A disponibilidade que Sócrates imediatamente demonstrou para "negociar" o PEC IV no parlamento, esbarrou na impossibilidade de o fazer, imposta pelos responsáveis da zona euro. Conclui-se, portanto, que o nosso primeiro-ministro, continua a ser um mentiroso compulsivo, sem grande carácter e detentor de uma sui generis capacidade para entreter.